Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

3º LEMBRANÇAS AOS TROPEIROS E 6º TCHÊ APROCHEGA

encontro-9

No final de semana, 03 e 04 de fevereiro, foi realizado, no município de Água Santa, mais um evento tradicionalista, o 3º Lembranças aos Tropeiros e 6º Tchê Aprochega.

O evento teve inicio no sábado às 16:30 h com a chegada dos participantes, vindos de varias cidades de toda a região, que logo montaram seus acampamentos, penduraram suas redes e a seguir, os peões, já foram pra lida, enquanto alguns peões foram para o mato buscar espetos para o churrasco da noite; outros juntaram lenha e ascenderam o fogo. Na sequencia foi espetada a carne, sempre lembrando que a prova do churrasco é uma das provas sorteadas em concurso cultural, por isso, além da parte pratica, os peões também exercitaram a parte teórica.

O evento teve a abertura oficial com a chegada da tropa de gado, que foi conduzida pelo grupo de cavaleiros Centauros da Tradição, durante a chegada foi feita uma homenagem aos tropeiros, em especial a Simão Nervo.

As atividades seguiram noite a dentro, com causos e cantorias, destaque especial a Neri Girotto, historiador que prendeu a atenção do público presente com breve relato da história do Rio Grande do sul e das batalhas da região. O evento foi totalmente a luz de candeeiro e lampião.

No domingo o evento teve inicio as 8:30 h com café e credenciamento e a seguir a abertura oficial do 6 Tchê Aprochega.

Na sequencia as prendas tiveram um bate papo descontraído sobre o Folclore da Mulher, com as convidadas: Leonilde Francisca Nervo, Maria Liduina Cerezoli, Maria Imbraina Daniel, Vitienza Cerezoli, Ivone Girardi Belegante e Daneide Piffer Ramos, as quais contaram um pouco sobre a realidade em que cada uma viveu, abordando temas como namoro, casamento, parto, crenças, ritos, simpatias e superstições. Já os peões acompanharam uma palestra sobre a Medicina Campeira, ministrada por Edson Pelissaro e Leonardo Dametto.

Pela parte da tarde o evento teve sequencia com prova da encilha, ministrada por Guilherme Nervo e logo após a prova de rédeas, na qual todos os participantes tiveram oportunidade de praticar.

Curiosidade: durante o evento do domingo, foi testada uma teoria que se encontra em livros, do tempo do tropeirismo, a salga da carne no suor do cavalo. Duas mantas de matambre foram colocadas no lombo do animal, o cavalo foi encilhado e botado para correr e suar, para que assim pudesse salgar a carne. O resultado foi surpreendente, de fato a carne fica salgada e bem saborosa.

A estimativa, segundo os organizadores é de que 250 adeptos do tradicionalismo tenham participado do evento.

O 3º Lembranças aos Tropeiros e o 6º Tchê Aprochega, teve a organização dos Peões, Gurias e Piás da 7ª Região Tradicionalista, com o apoio do Departamento Cultural do Piquete de Laçadores Pai João.encontro-1 encontro-2 encontro-3 encontro-4 encontro-5 encontro-6 encontro-7 encontro-8 encontro-9

Deixe seu comentário: